Notícias

08/02/2021

Paranacidade faz encontros para identificar relação entre ações e os ODSs

Os colaboradores do Serviço Social Autônomo Paranacidade, vinculado à Secretaria do Desenvolvimento Urbano e de Obras Públicas (SEDU), realizam nesta semana uma série de encontros sobre os 17 Objetivos do Desenvolvimento Sustentável (ODSs) e a Nova Agenda Urbana (NAU) e a relação desses conteúdos com as ações implementadas no apoio aos Municípios.

O Paranacidade aderiu ao Pacto Global em 2017, ano em que o atual governador, Carlos Massa Ratinho Junior, era o secretário do Desenvolvimento Urbano. Nas apresentações desta segunda, 08, foram mostradas desde as atividades que já incorporam os conceitos propostos pela Organização das Nações Unidas até as possibilidades de melhorar o ambiente de trabalho com intervenções em direção à sustentabilidade.

ADESAO AOS ODSs - De acordo com o superintendente executivo do Paranacidade, Álvaro Cabrini, a adesão aos ODSs pode ser feita todos os dias, das atividades mais corriqueiras às mais sofisticadas. “Atuamos com a visão de ajudar a transformar o mundo em um ambiente civilizado pelo conhecimento e pelas boas práticas”, afirma.

Entre os exemplos de vínculo das ações realizadas no Paranacidade com os ODSs estão os projetos de pavimentação de vias urbanas, a construção de Ginásios de Esportes, o estímulo à formação e à manutenção dos Conselhos Municipais, a implantação de Parques Infantis e Parques Urbanos (que respondem ao ODS 11, sobre Cidades e Comunidades Sustentáveis).

FERRAMENTAS - Outras iniciativas são as ferramentas de apoio à Elaboração, Análise e Gestão de Projetos de Desenvolvimento Urbano, disponibilizadas via Internet, como o Portal dos Municípios, o Sedu/Paranacidade Interativo ou o Cadastro Multifinalitário (em atenção ao ODS 17, que propõe Desenvolver Instituições Eficazes, Responsáveis e Transparentes em todos os níveis).

Os encontros, que acontecem até a quinta-feira, 11, têm como objetivo ampliar o conhecimento e oferecer mais subsídios aos técnicos do Paranacidade que atuam junto às Prefeituras em abordagens para promover a internalização dos ODSs também nas Administrações Municipais.

TRANSFORMAR O MUNDO - Durante as apresentações, foi lembrada, ainda, a possibilidade de aplicação dos ODSs no dia a dia, como na elaboração de projetos em prol do uso racional da água ou do melhor aproveitamento energético. “Difundir esse tipo de conhecimento e prática é contribuir para a transformação desse mundo. É preciso levar a todas as Prefeituras essa nova mentalidade, esse novo modelo de pensar e agir”, diz Cabrini.

Os encontros foram organizados pelo GODSNAU, Grupo de Colaboradores da Agenda 2030 e seus Objetivos de Desenvolvimento Sustentável e da Nova Agenda Urbana no PARANACIDADE.

Recomendar esta notícia via e-mail:

Campos com (*) são obrigatórios.